Circuito das Araucárias - O Circuito de Cicloturismo das Araucárias é repleto de atrativos naturais, históricos e também gastronômicos e culturais. A paisagem é bem variada, alternando entre altos de serras a planaltos ou vales de rios. A Mata Atlântica é bem preservada, mesclada com florestas de imponentes e belas araucárias. Ao longo do Circuito encontram-se pequenos museus com peças e artefatos, principalmente rurais, trazidos ou fabricados pelos primeiros colonizadores. As quatro cidades, São Bento do Sul, Corupá, Campo Alegre e Rio Negrinho, possuem vários prédios históricos bem conservados, muitos deles funcionando como órgãos públicos.

  Circuito das Araucárias - Trecho 4 


Parque das Aves - Campo Alegre

Este é o trecho da grande subida e também o dia em que alcançaremos o ponto mais alto de todo o Circuito, com 1100m de altitude. Portanto calcule sua pedalada e saia com tempo suficiente para chegar ao seu destino com luz do dia. Poucos quilômetros depois do Parque das Aves, temos um atrativo histórico, um alambique centenário de cachaça artesanal. É todo feito em madeira e encontra-se ainda em funcionamento. Já na subida, com o tempo aberto, as curvas da estrada dão visuais maravilhosos e são uma boa desculpa para parar e descansar ou fotografar. Conforme subimos, a vegetação do entorno vai mudando, até que, chegando à parte alta, traz uma paisagem totalmente diferente. Temos muitos campos com araucárias e criações de cavalos. Você encontrará dois povoados neste trecho, sendo que Rio Vermelho Estação é um bairro maior que o Rio Vermelho Povoado propriamente dito, e nestes locais encontrará algumas casas de comércio, caso necessite algo para a sua viagem. Antes de chegar a Campo Alegre temos que vencer mais uma longa subida, a Serra do Gatz, com cerca de 3km, mas depois disso o relevo fica mais fácil.

 



Distância: 31,7 km
Altimetria: 1.235 m
Dificuldade Física: 5
Dificuldade Técnica: 2

O que visitar ao longo do caminho...


Cemitério Rio Vermelho Povoado

O Cemitério local pode ser considerado uma das lembranças mais concretas da trajetória de vida do colonizador, eternizadas através das inscrições contidas nas lápides de seus túmulos.

-26.2687362,-49.3111949


Estação Ferroviária Rio Vermelho

A rede de Viação do Paraná - Santa Catarina foi a única rede ferroviária catarinense a ter ligação com as demais ferrovias da rede nacional. Fato que a levou ser considerada a mais importante para o estado, estrategicamente. Construída entre 1910 e 1913, representava a única opção de transporte confiável na região, e hoje é reconhecida como patrimônio da região, construída no início do século e ainda encontra-se preservada, mantendo a história local.

-26.2825212,-49.3393207


Igreja Nossa Senhora das Graças

A localidade de Rio Vermelho Povoado, desde sua criação é indicada como local de grande beleza, e teve como ponto de partida, um rio de águas límpidas e pedregoso, com pontos de vista belíssimos. Sua igreja de confissão católica, localizada na Rua Carlos Muhlmann, tem como padroeira Nossa Senhora das Graças. Situada numa elevação em meio a relva verde, tem no cruzeiro frontal a marca inconteste da religiosidade do povoado, merecendo ser preservada como marco da colonização local.

-26.2675162,-49.3342956


Circuito das Araucárias - Detalhes do Trecho